Parlamentares discutirão perdas salariais das pajens com prefeito

por cuo última modificação 29/09/2017 15h33
Parlamentares discutirão perdas salariais das pajens com prefeito

crédito: Rodrigo Palassi

O presidente da Câmara, Rodrigo Alemão (PSDB), e os vereadores se reuniram ontem (28/09) com um grupo de pajens para discutir sobre a decisão judicial que suspendeu a lei municipal que transformou o cargo desses profissionais em professores de desenvolvimento inicial (PDI). A Prefeitura cumpriu a medida do Judiciário e, com isso, os educadores tiveram um significativa perda salarial no último vencimento.

Elza Dias, da associação de professores de desenvolvimento inicial, entregou aos vereadores uma proposta de alteração na Lei Complementar Nº 86/2016, a fim de regularizar a situação dos servidores ocupantes do cargo de pajem. Pela sugestão, os 174 profissionais que exercem a mencionada função serão distribuídos em seis níveis, considerando no cálculo, a data de posse no cargo, determinado pelo tempo de serviço na carreira.

Presentes na reunião, a secretária de Gestão, Lucidalva Santos, e o procurador do município, Rogério Molina, explicaram que a administração pode até analisar o projeto entregue pelas pajens, mas a proposta criaria, a princípio, um desequilíbrio nos níveis de vencimentos em comparação com outras categorias profissionais do quadro de servidores.

Os vereadores, ao final da reunião, se comprometeram em levar a questão das pajens ao prefeito Ademário Oliveira. Um encontro deve ser marcado nos próximos dias para tentar reverter as perdas salariais da categoria.

Participaram da reunião os vereadores Toninho Vieira (PSDB), Marcinho (PSB), Rafael Tucla (PT), Fábio Roxinho (PMDB), Sérgio Calçados (PPS), Wilson Pio (PSDB) e Ricardo Queixão (PDT).

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.