Parlamentares participam de assinatura do contrato para reabrir o Hospital Municipal

Parlamentares participam de assinatura do contrato para reabrir o Hospital Municipal

Foto: Rodrigo Palassi

Os vereadores acompanharam hoje (11/10) a assinatura do contrato da Prefeitura com a Fundação São Francisco Xavier, entidade selecionada para administrar o Hospital Municipal. A unidade médica deve reabrir até dezembro deste ano, com 75 leitos SUS, centro de terapia intensiva, serviços de traumatologia, maternidade, centro cirúrgico e de terapia intensiva.

O presidente da Câmara, Rodrigo Alemão (PSDB), destacou o esforço tanto do Executivo quanto do Legislativo nesse processo de reabertura do Hospital Municipal. Ele disse que o fechamento do referido complexo médico vem sobrecarregando os atendimentos em toda a região da Baixada Santista. O vereador ainda afirmou que a população cubatense passará a contar em breve com um serviço de excelência na área da saúde. "Mais uma vez, as pessoas de bem venceram".

O prefeito Ademário Oliveira também ressaltou a importância da harmonia entre os poderes para concretizar a concessão administrativa dos imóveis que comporão o complexo hospitalar. Ele contou que os vereadores poderiam ter optado pelo caminho mais fácil do "quanto pior, melhor", mas optaram em dar as mãos e pensar naquelas pessoas que mais precisavam do Hospital Municipal.

O chefe do Executivo explicou que manter um unidade hospitalar custa caro e, por isso, seu governo optou por um modelo de gestão autossustentável, em que o Hospital Municipal ofereça serviços particulares de modo a cobrir a diferença de custos entre a despesa real e o valor pago pelo SUS. O prefeito ainda disse que a Fundação São Francisco Xavier poderá credenciar o hospital para o atendimento dos associados do plano de saúde do grupo Usiminas e o de outras empresas do Polo Industrial.

A expectativa é que após doze meses da reabertura do complexo hospitalar, o antigo prédio do Teatro Municipal esteja reformado e adaptado para funcionar os serviços de oncologia, hemodiálise e medicina hiperbárica.

Instituída em 1969, a Fundação São Francisco Xavier é o braço social da empresa Usiminas nas áreas de saúde e educação. A entidade deve investir R$ 9,3 milhões para fazer as reformas e as adaptações necessárias para que o Hospital Municipal se torne um centro de excelência no atendimento à saúde.

O diretor executivo da Fundação São Francisco Xavier, Luís Márcio Araújo Ramos, representou a entidade durante a assinatura do contrato.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.